NOTÍCIAS Voltar >

Município reforça ações de atenção à saúde da mulher

Publicado em 27/07/2021, Por Assessoria de Imprensa - Izabel Seehaber

Há cerca de dois meses, a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Erebango conta com atendimentos na especialidade de Ginecologia e Obstetrícia.

A especialista, Vanessa Faresin Rodrigues, destaca que a ideia é “organizar a casa” nessa área, pois o município ficou bastante tempo sem a especialidade. “Há várias mulheres com atraso nos exames de preventivo e de toda rotina ginecológica. Nesse momento, estamos focados nos métodos de contracepção das pacientes em idade fértil, principalmente do público mais jovem, por meio da indicação e colocação do DIU. Além disso, ampliamos as orientações e esclarecimentos”, salienta.

Sobre os exames

Conforme a médica, que também atende no Hospital São Roque de Getúlio Vargas, outro objetivo é dar seguimento ao pré-natal, visando a obtenção de melhores resultados no momento do parto. “Na UBS são ofertados praticamente todos os exames, sendo que são realizados os procedimentos de rotina, no acompanhamento clínico, preventivo, além da colposcopia (análise do colo do útero, vagina e vulva)”, pontua.

Os exames de mama, as cirurgias via Sistema Único de Saúde e as ultrassonografias são feitas fora do município, mas com o encaminhamento da Secretaria da Saúde. Como exemplo está a ultrassom transvaginal para acompanhamento de doenças do útero, de ovários e investigação de fertilidade.

Orientação

A ginecologista reforça que a orientação às pacientes é que, ao iniciarem a atividade sexual, façam o acompanhamento anual de rotina, por meio da mamografia e coleta anual do exame de preventivo – único exame de rastreio de câncer de colo uterino, o segundo tipo mais comuns no público feminino. “Quando a paciente vem para a Unidade de Saúde, aproveitamos para colocar em dia outros exames para verificar os níveis de colesterol, triglicerídeos, enfim, um acompanhamento completo”, comenta Vanessa.

Sinais de alerta

Vale ressaltar que é essencial que as mulheres observem alguns sinais como: sintomas na mama, dor, corrimento, sangramentos anormais, e procurem a UBS. “Conseguimos fazer a investigação, detectar se há algum problema e definir o posterior tratamento. Quanto mais cedo diagnosticarmos alguma alteração, mais chances de recuperação e, ainda, nas pacientes mais jovens, menos chances de infertilidade ou alterações secundárias que possam acarretar desfechos menos favoráveis”, alerta a especialista.

De acordo com a ginecologista, é compreensível que, em razão da pandemia do Coronavírus, muitas pessoas optaram por aguardar para atualizar suas consultas e exames, os quais, muitas vezes ficaram mais restritos, contudo, é essencial que, sejam retomadas as idas aos especialistas. “Há situações que observamos sequelas irreversíveis e isso preocupa muito. Ao mesmo tempo, as opções de tratamento podem ser mais invasivas. Em paralelo à covid-19, há outras doenças, tão graves quanto, e é preciso se cuidar”, afirma a especialista.

Atendimentos

A especialista atende na UBS de Erebango nas segundas-feiras pela manhã, quintas- feiras à tarde e sextas-feiras à tarde.





Imprimir Notícia - Compartilhar no Facebook