NOTÍCIAS Voltar >

Campanha de Multivacinação é prorrogada até o dia 30

Publicado em 03/11/2021, Por Assessoria de Comunicação - Izabel Seehaber

O Ministério da Saúde informou, por meio do Ofício Circular nº 295/2021, que a Campanha Nacional de Multivacinação que teria encerrado na sexta-feira (29), foi prorrogada até o dia 30 deste mês. O objetivo é propiciar a atualização da caderneta das crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade.

Conforme os dados registrados no localizaSUS, até o dia 28/10, ao todo, 3.026.553 milhões de doses haviam sido aplicadas em todo o País. O órgão federal destacou no documento que, diante dos resultados alcançados até o momento, devem ser ampliados os esforços em cada município, no desenvolvimento de estratégias que visem melhorar o desempenho da vacinação da população-alvo da campanha.

'É essencial colocar as doses em dia'

No município de Erebango, a campanha registrou, até o momento, índices positivos, porém, segundo a equipe técnica que atua na Unidade Básica de Saúde (UBS), ainda há crianças com atraso vacinal. “Vale lembrar que, para favorecer a população, a sala de vacinas possui acesso direto ao público, sem a necessidade de circulação na área interna da unidade”, comenta a coordenadora da UBS, Cristiane Dallanora de Vargas, citando que, a pandemia também provocou impactos na atualização das cadernetas.

Ela pontua, ainda, que, de acordo com a Lei nº 15409 de 19/12/2019, do governo estadual, a partir do próximo ano, deverá ser exigido pelas instituições das redes de ensino público e privado do Estado do Rio Grande do Sul, no ato de matrículas e rematrículas, que as crianças e adolescentes estejam com as doses em dia. “Os pais ou responsáveis que não apresentarem a carteira de vacinação ou apresentarem a carteira desatualizada serão notificados no ato da matrícula ou rematrícula para procederem à entrega ou à sua devida regularização”.

Cristiane reitera que a imunização é o único modo de prevenção, combate e erradicação de mais de 20 doenças imunopreveníveis, a exemplo de: tétano, difteria, sarampo, rubéola, caxumba e poliomielite. “O foco do nosso trabalho enquanto UBS, é a prevenção. É uma oportunidade gratuita que temos à disposição pelo Sistema Único de Saúde. Além disso, os imunizantes já têm sua eficácia comprovada cientificamente”, salienta.

O horário para imunização é das 8h às 11h e das 13h às 16h ou por agendamento prévio. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: 3339 1004.





Imprimir Notícia - Compartilhar no Facebook